27 de setembro de 2011

Marcas do Passado - 5º Capitulo

Minha foto
CLIQUE EM LEIA MAIS PARA CONFERIR O QUINTO CAPITULO DE MARCAS DO PASSADO.



NO CAPITULO ANTERIOR...


Lali: Que.. que fita de segurança?

Jaime: Lali, ele  e a tia se beijaram na lanchonete, e lá tem câmeras de segurança.
Eu não sei como o Peter teve acesso a essas câmeras, mas eu vi as fitas, e a tia Hope agarrou ele, você viu e saiu correndo. Depois daquele dia, você nunca mais quis falar com ele e se mudou para Londre...

NO CAPITULO DE HOJE...

Nesse instante, quando ouvi meu irmão me dizer essas coisas, fiquei com raiva e confusa. 

Será que tudo o que passei ate agora foi em vão? Ser que Peter não tinha culpa? Sera que minha tia foi a única culpada?

Eu estava tão atordoada que subi correndo para meu quarto, tranquei a porta, sentei na cama, e simplesmente fique ali... não sei quanto tempo.

Acabei pegando no sono, acordei assustada e olhei no relógio, já eram sete horas da manhã, me levantei, me vesti e desci.

Estava decidida a esclarecer as coisas, queria saber o que minhas amigas tinham a dizer em relação ao Peter. Será que elas também acreditavam nele?

Estava tão distraída, que nem percebi meu irmão me chamando para ir. ;entrei no carro, nem deu tempo de conversar com meu irmão, eu já havia chegado ao colégio, e estava tudo da mesma forma que eu me lembrava. 

Entrei no prédio principal, assim que passei pelo banheiro, ouvi uma voz muito familiar. Era Cande, uma das minhas melhores amiga. Pude perceber que ela, Rochi e Euge falavam de mim. Não resisti e fiquei escutando atrás da porta.

Rochi: Hoje é o dia que a Lali volta.  – Rochi, uma coisa que a descreve muito bem, é o simples fato de ela ser uma das minhas melhores amigas, e ser a melhor amiga de Peter.

Euge: É, eu ouvi os meninos falando que ontem o Peter foi jantar na casa dela. – Era Euge, minha irmãzinha.

Cande: Quando ela vai perceber que o Peter não teve culpa? – Pelo jeito, elas acreditavam no Peter.

Rochi: Cabeça dura do jeito que é? Nunca!

As três começaram a rir. E eue entrei em cena.

Lali: Cabeça dura, mas não surda! – Eles me viram e correram para me abraçar  - Que 
saudade meninas!

Cande: Nós também morremos de saudade.

Rochi: Vamos logo, os meninos estão loucos para te ver.

Euge: Mas depois, você vai contar como foi sua viagem para a gente. – nós quatro fomos ate a sala de aula.

Lali: Oi gente! – entrei gritando.

Gas: Lali, quanto tempo minha irmãzinha! – Gas, veio correndo me abraçar.

Logo em seguida vieram Nico, Agus, e Pablo.

Depois de reencontra todos, vi Peter no fundo da sala sozinho, olhando pela janela. Me aproximei dele, e todos ficaram me olhando.

Lali: Pelo jeito, todos acreditam em você! – ele olhou para mim, surpreso por eu não estar gritando com ele.

Peter: Se todos acreditam talvez seja verdade!

Lali: Olha, eu só quero entender o que aconteceu!

Peter: E eu so quero que você me perdoe, mas nem sempre temos o que queremos!

Aquilo realmente me atingiu. Ele estava certo. E com certeza arrependido.

Lali: tenho uma proposta para te fazer. – falei como se fosse uma empresaria.

Peter: Sou todo ouvidos. – Ele respondeu quase imediatamente.

Lali: Hoje, vamos sair, vou te dar uma chance de me explicar tudo que aconteceu, e eu vou te ouvir, sem brigar.

CONTINUA...

OBS: Obrigada pelos comentarios

7 comentários:

  1. Amei, amei amei, posta mais, Queria muito lhe ajudar a escrever essa web

    ResponderExcluir
  2. Posta os capítulos mais longos, por favor, eles estão curtos demais

    ResponderExcluir
  3. ai to doida pra o proximo capitulo!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!
Sua opinião é muito importante para nós! São vocês que fazem o blog!